Diretor do SAAE participa de audiência pública na Câmara de Juazeiro

Diretor do SAAE participa de audiência pública na Câmara de Juazeiro

Nesta quarta-feira (18) o diretor-presidente do SAAE, Joaquim Neto, participou de uma audiência pública sobre o aumento da tarifa de água da adutora da Mineração Caraíba Metais. O objetivo do encontro foi encontrar soluções para a operação e o futuro do sistema de abastecimento de água oferecido aos produtores pela adutora Mineração Caraíba Metais.

Para o deputado estadual Crisóstomo Lima (Zó), que propôs a audiência, a situação é crítica e este é um problema de toda a sociedade, não apenas dos produtores. “Vamos à Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) e à Agência Nacional das Águas (ANA) para discutir o valor da tarifa de energia e da água. O valor é muito acima do que os produtores podem pagar”, avaliou o deputado.

“O que se pretende é garantir agilidade neste processo que pode prejudicar os produtores da nossa região. Vale ressaltar que a referida adutora beneficia, atualmente, os municípios de Juazeiro, Jaguarari, Uauá, Andorinha, Curaçá e Monte Santo, e é preciso discutir e resolver o problema o mais rápido possível porque os produtores já vão passar a pagar no próximo mês”, falou o vereador e membro da comissão de agricultura da Câmara de Juazeiro, Agnaldo Meira.

Segundo o gerente da Mineração Caraíba, Jacinto Nunes, a empresa não aumentava o valor da água há 10 anos. “A empresa bombeia água do São Francisco para a exploração de minérios. De toda a água captada, 30% é destinada para a mineração, 50% para os produtores e 20% abastece algumas cidades. A empresa está passando por dificuldades e por isso resolveu aumentar de 0,17 centavos o metro cúbico de água para 0,38 centavos”, relatou Jacinto.

Joaquim Neto colocou o SAAE à disposição no sentido de encontrar uma solução para viabilizar o sistema de abastecimento de água. “Mesmo a autarquia sendo só um pequeno consumidor da adutora, nós temos muita vontade de resolver esse problema. Se for o caso, vamos aprofundar a discussão e tendo possibilidade jurídica de assumir a operação e manutenção da adutora, nós vamos assumir. O que queremos é que todos os produtores tenham acesso à água”, decretou o diretor-presidente do SAAE

Participaram da reunião os deputados estaduais Roberto Carlos e Eduardo Sales; o presidente da Câmara de Juazeiro, Damião Medrado; o secretário de Agricultura do Estado, Vitor Bonfim; o diretor da ADAB, Oziel Oliveira; o secretário de Agricultura de Juazeiro, Jorge Cerqueira; o prefeito de Sobradinho, Luiz Vicente Berti; o presidente do Sindicato de Agricultores Rurais, Emerson Mitu; o representante d os produtores rurais, Genivaldo Junior, e vereadores de Juazeiro.  

Serviços